Como irritar as mulheres

Postado por: Emerson ozueira

Wild Guns – Análise desse clássico do Super Nintendo

Postado por: Emerson ozueira
  
Tiroteio, velho oeste e robôs. Essa combinação bizarra resume bem do que se trata um dos maiores clássicos cult do super nintendo, o Wild Guns.
wild_guns_usa-1458992871Desenvolvido pela Natsume, a mesma desenvolvedora da série de simulação de fazenda, Harvest Moon, Wild Guns era um jogo de tiro em terceira pessoa com estética baseada em Space Adventure Cobra, um mangá publicado na década de 70, com uma pegada futurística do cyberpunk e as histórias de cowboy de filme de bang bang, também conhecidos como westerns.
Feito por uma equipe reduzida de apenas 5 pessoas, esse clássico surgiu sem grandes pretensões no final da vida do console 16 bits da nintendo, apenas para tapar um buraco enquanto sua desenvolvedora estava trabalhando em projetos maiores.
No começo, os desenvolvedores pretendiam que a jogabilidade fosse um pouco mais limitada, que a mira só poderia levantar e abaixar e a direcional para os lados movimentaria os personagens, porém acharam melhor deixar a jogabilidade parecida suas Dynamite Duke e Blood Bros, porém com um leve aprimoramento que era a marca de onde a bala iria acertar. Isso pode parece algo trivial, porém jogando Dynamite Duke é possível ver claramente o benefício que isso trouxe. Como o cenário tenta imitar uma projeção 3D, porém não deixa de ser um jogo 2D, a jogador no meio de um tiroteio frenético não sabe se a bala está chegando perto ou não, para poder desviar.
A equipe reduzida fica clara quando vê que o jogo tem apenas 6 fases, dois personagens jogáveis e vários subchefes se repetem, mas nada que estrague a experiência.
wild-guns-002


Se tá ruim pra você, imagina pra esse cara

Postado por: Emerson ozueira

Não é que ele tem razão

Postado por: Emerson ozueira

Tatuagens Mehndi - Indian Mehndi

Postado por: Emerson ozueira
Mehndi é  uma tatuagem temporária feita com um corante extraído da planta henna. A coloração vai do vermelho ao castanho e, quando aplicada na pele, poderá escurecer devido aos elevados níveis de queratina. Dependendo de como a tintura é aplicada e de como a pele está tratada, adere à pele por alguns dias ou semanas.
A arte de mehndi existe há séculos. O local exato da sua origem é difícil de saber, pois pessoas de diferentes culturas deslocam-se através dos continentes partilhando a sua arte. Traços de henna foram encontrados sobre as mãos de uma múmia de 5 mil anos, sugerindo que o Mehndi data do antigo Egito.




Gente minha vó faleceu, estou muito triste. sqn

Postado por: Emerson ozueira