POR QUE NÃO SENTIMOS CÓCEGAS PROVOCADAS POR NÓS

Postado por: ozueira Gamer
cats
Você pode nem imaginar, mas essa resposta tem a ver com a evolução da espécie humana. Isso mesmo. Na era dos homens primatas, as cócegas eram uma espécie de alerta de que animais perigosos andavam por nosso corpo. Instinto completamente natural numa época em que dormíamos e caçávamos no meio da selva.
O movimento de uma aranha ou um escorpião sobre a pele ativa o córtex sensorial primário, que provoca uma reação em cadeia. Aí vem a sensação de pânico. Todo esse medo se reflete na forma de risadas nervosas e incontroláveis.
Isso não é suposição não. O Instituto Karolinska, na Suécia, fez o teste com voluntários e descobriu que a simples ameaça de que alguém nos fará cócegas ativa a mesma região encefálica.
A coisa muda quando nós mesmos tentamos provocar essa reação. Geralmente, não conseguimos enganar o cérebro porque ele não interpreta como sinal de perigo. Mesmo as pessoas que são mais sensíveis às cócegas por terem mais receptores táteis na pele, não tem sucesso quando usam as próprias mãos para provocar essa reação.

Comentários:

0 comentários:

Postar um comentário