O que acontece se uma pessoa nunca se masturbar?

Postado por: ozueira Gamer
Castidade não é um conceito desconhecido hoje em dia. Vemos todos os dias casos de pessoas que optam por se absterem do sexo. Tanto por razões de religião, sexualidade, criação ou simplesmente por escolha. Já outros acham essa prática inadmissível e preferem se deleitar sob os prazeres dos atos sexuais. 
O fato é que muitos mitos perambulam em torno desse assunto. Alguns de crença popular, outros passados de geração à geração. O fato é que todo ser humano nasce com características propícias para a prática sexual, cabe a cada um escolher se vai exercê-las ou não.
Um dos assuntos que gera muita polêmica é a masturbação. O ato de estimular os órgãos sexuais afim de sentir prazer. Alguns defendem a sua prática, já outros são contra. O fato é que existem vários prós e contras que caracterizam esse ato tão polêmico, que chega a ser um tabu para algumas pessoas.





Benefícios da masturbação

mh_interna_masturbation-lotion
Sexólogos de todo o mundo defendem a mesma opinião, de que “a masturbação faz parte de uma vida sexual saudável e totalmente segura e inofensiva”. Um estudo revelado recentemente mostrou que homens que ejaculam mais de 5 vezes por semana tem 33% menos chaces de desenvolver câncer de próstata. Muitas toxinas que causam doenças ficam alojadas no trato urinário. Quando há a masturbação seguida da ejaculação o organismo “expulsa” essas toxinas do corpo. Além disso, a masturbação promove a ereção, resolvendo o pesadelo de muitos homens: a incontinência e disfunção erétil, evita a ejaculação precoce e fortalece a imunidade.
Para as mulheres, o ato também trás muitos benefícios, para elas se masturbar com frequência, além de ser uma ótima maneira de conhecer o próprio corpo, ajuda na prevenção de infecções. O orgasmo ajuda no alongamento dos músculos do colo do útero, ajudando a eliminar o muco cervical contaminado com bactérias, que podem causar infecções vaginais. Além disso, previne a incontinência da mulher e diminui as câimbras menstruais.
Além dos benefícios científicos, também ajuda em uma série de fatores para ambos os sexos, como por exemplo, o relaxamento, alivia o estresse, aumenta a autoestima e libera dopamina, hormônio responsável pelo prazer e bem estar. Ou seja, nada mal, não é?!

Benefícios de não se masturbar

masturbacao
Primeiramente: você se transforma numa versão muito mais produtiva de si mesmo. Segundo o professor Pfaus (do Departamento de Psicologia e pesquisador do Centro de Estudos em Neurobiologia Comportamental, da Universidade de Concordia, no Canadá) o sêmen tem ligação direta com a testosterona, pois é produzido na vesícula seminal e na próstata, estruturas que recebem influência do hormônio. Logo, quando você não põe para fora essa substância, é como se acumulasse a testosterona para você. Claro, não por completo, o aumento de energia é mais psicológico do que especificamente físico, contudo, o sistema de recompensa do cérebro trabalha de forma mais ágil e eficaz. O mesmo acontece com as mulheres com o hormônio estrogênio.
Além do aumento de energia existem outros benefícios que a não-masturbação causa em seus adeptos, como por exemplo, a diminuição da procrastinação diária, ajudando a combater a sonolência, maior sensibilidade e energia sexual. Nos homens, além desses efeitos, eles também ficam mais propensos à ereções mais fortes, assim como efeitos estéticos, como cabelos e barba mais grossos, a voz também adquire um tom mais grave.

E se você nunca se masturbar?

maos-atadas
Segundo o professor Pfaus “Abster-nos da masturbação não vai nos matar, mas nos priva de uma autodescoberta importante. E sabemos que a abstinência de masturbação – além de sexo e prazer em geral – é geralmente ditada por pessoas obcecadas por ‘pureza’ e comportamento moral.”
Ou seja, o resultado é bem simples: Nada. Não vai acontecer nada se você nunca se masturbar. No caso dos fatores corporais dos homens, o próprio organismo dará um jeito de resolver, como por exemplo, eliminar o sêmen através da polução noturna (que também não causa nenhum dano à saúde).
Quanto aos outros fatores, você terá uma vida normal. A ciência defende que a abstenção da masturbação é uma privação desnecessária, porém, cada um tem direito sobre o seu corpo e pode sim, preferir ter uma vida sem masturbação e escolher outros meios como forma de adquirir prazer e ainda assim ser saudável.

Comentários:

0 comentários:

Postar um comentário